03 fevereiro 2009

TV



Raramente vejo Televisão:
- Os média em crise económica com falta de qualidade:
- A tv tem também culpa no estado da nação;
- O quarto poder tenta impingir valores e tenta limitar o pensamento individual, livre e construtivo.
- A Tv está a amamentar gerações de consumidores de ideias descartáveis;
- Desvirtua a realidade, tentando que cada um de nós veja o país pelo ecrã da televisão.

Prefiro ler, navegar na Net ou mesmo cavar.

4 comentários:

Anónimo disse...

Peço desculpa por vir ocupar um espaço que é seu, com um assunto que não tem nada a ver com o teor do “post”, mas garanto que é por uma boa causa: a DEFESA DA CULTURA POPULAR. Permita-me que aqui publicite os VII JOGOS FLORAIS DE AVIS, cujo regulamento se encontra disponível em www.aca.com.sapo.pt e cujas dúvidas podem ser esclarecidas pelo 969015106.
Grato pela amabilidade, queira receber saudações culturais do
Fernando Máximo/Avis

Anónimo disse...

Adorei este comentário sobre os programas deprimentes em que as pessoas despejam o que lhe vai na alma e expõem-se publicamente (choram, riam, emocionam etc.) e isso dá muitas audiências (por acaso vi nas minhas férias qualquer coisa do género e achei deprimente).
Bem faço eu que leio, converso, contemplo a natureza ou durmo...
Não cavo, mas mondo as ervas daninhas e sinto-me super bem comigo e com o ambiente que me roreia...
MFCC

Anónimo disse...

Arghhhhh! Com tanta má notícia que nos invade casa dentro, pela TV.
Bem haja aos bons programas e ao humor.
MFCC

Anónimo disse...

errata *roreia = "rodeia" Obrigada!